quarta-feira, 16 de março de 2016

Show com Cecitônio Coelho interpretando a trilha sonora da novela Velho Chico da Rede Globo acompanhado pelo músico Guga Lopes (teclados) no dia da estréia na Praça de Jardim Colorado em Vila Velha/ES.
Link da matéria: http://gshow.globo.com/TV-Gazeta-ES/noticia/2016/03/tv-gazeta-promove-cinema-na-praca-e-reune-comunidade-na-estreia-de-velho-chico.html
(Foto: Divulgação/TV Gazeta ES​)

Show de lançamento do CD autoral do Grupo Ilha intitulado "Um Nobre do Samba".

Release

O Grupo Ilha nasceu de uma idéia de Rodrigo Tristão há dez anos atrás, onde convidou Cecitônio Coelho, Marcus Bacalhau e o Mestre Ditão para formarem um quarteto na intenção de tocar sambas de Chico Buarque, Paulinho da Viola, Vinicius, João Nogueira, Cartola, João Bosco, e tantos outros deste gênero configurando "A Nata do Samba".
A Idéia deu super certo, o Grupo Ilha se manteve ativo durante todo esse período, e tocou nas melhores casas noturnas de Vitória e ainda acompanhou artistas como Dona Ivone Lara, Monarco da Portela, Marquinhos Sathan, Ataulpho Alves Junior, Vera da Matta, e ainda participou de vários eventos públicos como o Femusquim, Projeto Seis e Meia no Teatro Carlos Gomes, carnaval de Vitória e Vila Velha, sempre levando e apresentando o repertório proposto e arrancando elogios da crítica e do público que ama esse estilo.
Em fevereiro de 2015 o Grupo perdeu um dos integrantes, o Mestre Ditão que faleceu de forma inesperada, o que deixou o Grupo imensamente triste e provocou uma parada natural.
O Grupo Ilha se manteve unido e hoje volta com esse CD autoral, intitulado "Um Nobre do Samba", com uma justa homenagem ao eterno Mestre Ditão, que antes de sua partida deixou gravado no CD sua marca com o Surdo e tamborim.
O CD contém 12 faixas inéditas com músicas de Rodrigo Tristão, Cecitônio Coelho, Sergio Souto, Paulo Cesar Pinheiro, Carlos Papel, João Pimenta, Maurício Abdalla, Francisco Velasco, Heráclito Macedo, e será lançado dia 31/03/2016 às 21 horas no Teatro Universitário da Ufes na abertura do projeto Aquarela Capixaba.

Informações de venda: Bilheteria do Teatro da Ufes pelo tel.: (27) 3335 2953 de Terça a Sexta-feira das 15 h as 20 h ou pelo site:

quinta-feira, 8 de setembro de 2011

RELEASE DE CECITONIO COELHO

O músico e compositor Cecitônio Coelho, nascido aos 11 de maio de 1964 na cidade de São Mateus, norte do Espírito Santo. Filho de Zulmira Ferreira e Oraldo Coelho, ex-maestro da "Lira Mateense" banda penta-campeã dos encontros de bandas civis no estado, regida desde 1975 pelo seu irmão Datan Coelho.    Cecitônio participou de um programa de calouros promovido por uma banda de baile local, que aconteceu de dezembro de 1975 á setembro de 1977 tendo sua final no parque de exposição dentro da festividade distrital de São Mateus, conquistando o primeiro lugar com a música "Serafim e seus filhos" de Rui Maurity.
Em 16 de junho de 1978 Cecitônio e seu irmão Datan Coelho, fundaram o Regional Pizindim, grupo de chorinho e gafieira onde Cecitônio tocava cavaquinho e violão. Pizindim, apelido de Pixinguinha foi o nome escolhido por se tratar de um dos mais importantes nomes da nossa música instrumental, e também por se encaixar com a proposta do grupo.
Em 1979 o regional passou a se chamar "Banda Pizindim", com proposta de baile e modificações como a inclusão de baixo, guitarra e cantores, alem de incluir no repertório, músicas de Luiz Gonzaga, Alceu Valença, Banda de Pau e Corda, Quinteto Violado, e alguns sucessos populares, adaptados em arranjo regional, com shows em todo o estado do Espírito Santo, norte de Minas Gerais e sul da Bahia.
Em abril de 1980 participou como músico, cantando e tocando trompete e guitarra na peça "Os Palhaços Não Podem Morrer" do GRUMATA (Grupo Mateense de Teatro Amador) que venceu o Festival de Teatro Amador de Vitória naquele ano, se apresentando no Teatro Carlos Gomes, com os atores Euclides Rampineli Filho e Antônio Eduardo Barbosa.
A peça se passava no picadeiro de um circo, com bandinha executando marchinhas tradicionais, com flauta, violão, guitarra, contrabaixo, trompete, trombone, bateria e voz. Na bandinha de circo, Cecitônio tocava violão e trompete, além de cantar as canções; "Sonhos de um Palhaço", de Antônio Marcos, e "Somos Todos Iguais Nesta Noite", de Ivan Lins, acompanhado por Datan Coelho (flauta transversal e trombone), Bené (contrabaixo e guitarra) e Valdir Batera (bateria).
O sol, o céu, a terra e o mar (Cecitônio Coelho e Margareth Fernandes) vídeo original integrante do programa "Gazeta Som Especial" produzido por Clovis Rosa em 1981 com áudio gravado na TV Gazeta na rua General Osório no centro de Vitória/ES e com imagens filmadas no Sítio Histórico Porto de São Mateus/ES.

BANDA PIZINDIM - 1981

Datan Coelho (flauta e arranjos)
Cecitônio Coelho (cavaquinho e voz)
Altamiro Câmara - Bené (violão 7 cordas)
Jorge Afonso (vocais e afoxé)
Valdir Batera (bateria)
Alvacyr Brozeguine (triângulo)
Cecitônio Coelho permaneceu na Banda Pizindim como cantor e guitarrista até 27 de julho de 1992 quando decidiu seguir carreira sólo, tocando em bares e restaurantes em Vitória e Vila Velha.
Além da banda Cecitônio produzia suas composições e participou do primeiro festival da canção da cidade de Montanha em 1979 com o blues "O Guarda Maluco" de Datan Coelho. Participou dos festivais em Pinheiros até setembro de 1988 sendo premiado em todos, sendo mais importante, o que aconteceu no ano de 1987 conquistando o terceiro lugar com "A Dona da Calçada" composição de sua autoria, o segundo lugar e melhor arranjo com "Mato", sua canção com texto de Datan Coelho.
Em Novembro de 1984 Cecitônio Coelho participou do "Instrumentalha Cheiro de Sôpro" grupo formado por músicos da Sociedade Musical Lira Mateense, que exercia uma função paralela, apresentando no repertório instrumental um misto de músicas clássicas, peças barrocas, temas de Hermeto Pascoal, Egberto Gismonti, além de composições próprias, com duo de flautas e de trombone, tropete e quarteto de sax; barítono, tenor, alto e soprano.   Os músicos tocavam mais de um instrumento e formado por; Datan Coelho (flauta, trombone, sax soprano e percussão), Cecitônio Coelho (trompete e percussão), Valdir Coelho (sax barítono), Márcio Lírio (sax alto), Margareth Maria Sales Fernandes (flauta 2), Jânio dos Santos (trombone 2) e Hudson Guilherme (sax tenor e percussão).
No dia 4 de Dezembro de 1993 de volta aos festivais, aconteceu a final do primeiro festival da canção de Boa Esperança (ES), e lá estava Cecitônio com a canção "Estrela Morena" de sua autoria, conquistando o primeiro lugar e melhor arranjo.
Entre Julho de 1996 a setembro de 1997 Cecitônio Coelho fez uma temporada no Rio de Janeiro apresentando-se com voz e violão no "Hum Grau" localizado na Av. Quintino Bocaiúva, nº 463 na Praia de Charitas em Niteroi/RJ e no "Big Ben" localizado na Rua Muniz Barreto, nº 374 em Botafogo/RJ.
Retornando a Vitória/ES, apresentou-se de 27 de Novembro de 1997 a 18 de Março de 2009 no "Canto da Roça" localizado na Rua João da Cruz, nº 280 - Praia do Canto em Vitória/ES.
Cecitônio Coelho montou o "Show Vitória" apresentado no dia 25 de Setembro de 1998 na FAFI, nos dias 7 e 8 de Novembro de 1998 no Teatro Carlos Gomes, no dia 17 de Janeiro 1999 na Arena de Camburí em Vitória/ES e no dia 4 de Fevereiro de 1999 na Praia de Gurirí em São Mateus/ES dentro do projeto cultural promovido pela Petrobrás.
No ano de 2000 apresentou o autoral "Show Vitória" no Teatro Metrópolis da UFES dentro do projeto "Quinta Nossa Musical", além de participar dos shows de Danilo Diniz, Dennise Pontes e Márcia Coradine dentro do mesmo projeto, que vem incentivando artistas e bandas capixabas, dentro do circuito universitário, com seu espaço aberto aos trabalhos autorais.
Em 2000 participou de gravações das cantoras; Simone Itaboray e Márcia Coradine, além de ter sua música "Tapete Mágico" no CD "Atmosfera Clara" e a música "Corazón Arrebatador" no 2° CD da cantora e compositora Dennise Pontes, que assina os textos.
Em Janeiro de 2001 Cecitônio participou da gravação de uma faixa do CD da cantora e compositora Nô Stopa, filha do cantor Zé Geraldo, à convite do músico Alexandre Lima da banda Manimal, que é produtor musical do CD que foi lançado em 2004.
Ouça o áudio original da música Soneto ao Temporal de Nô Stopa;
FICHA TÉCNICA DO CD:
Produzido por Alexandre Lima e Thomas Gruetzmacher
Gravado nos Estúdios Curumim Áudio Produções (SP - 2002/2003) por Edilson Salgado e Luizinho Mazzei _ Assistente de gravação: Paulo Henrique
Exceto "Soneto ao Temporal" e "Leve" gravadas no Estúdio Nova Arte (ES - 2000/2001) por Kiko Miranda e Dário Dovico
Mixado no Instituto de Áudio e Vídeo (IAV) por Maurício Gargel e Thomas Gruetzmacher
Edição digital: Maurício Gargel
Masterizado por Carlos Freitas no Classic Master
MÚSICOS:
Nô Stopa (voz - violão aço em "Abre Aspas" e "Ar" e violão nylon em "Cicatriz" e "De Festim")
Juliana Souto (flauta transversal)
Estevan Sinkovitz (guitarra e violão aço)
Luciano Barros (contrabaixo e baixolão fretless)
Péricles Carpigiani (bateria - percussão e vocal)
MÚSICOS CONVIDADOS:
* Alexandre Lima (sinths em "Abre Aspas" e "Satellite of Love" e guitarra em "Soneto ao Temporal"
* Cecitônio Coelho (violão nylon em "Soneto ao Temporal")
* Léo Caetano (programação de teclado em "Leve" e violão aço em "Soneto ao Temoporal")
* Queiroz (percussão em "Soneto ao Temporal")
* Zé Geraldo (vocal em "Leve")
*João Omar (cello em "Ar")
* Marcelo Oliveira (trompete) - Jair Oliveira (trombone) e Sergio Rouver (sax) - (nipe de metais em "Satellite of Love")
* Fábio Ribeiro (piano elétrico em "Rítimo e Poesia da Menina Feia"
* Harilton Nathanailidis (violino e viola em "Leve")
* Vitória Lima (voz de bebê em "Leve")
O CD "Conversa de Botequim" foi um projeto alternativo com canções de compositores conhecidos da música popular brasileira, trazendo em sua gravação a voz e o violão de Cecitônio Coelho com participações de vários músicos capixabas como; Dennise Pontes (voz e percussão), Daniela Moraes (voz), Simone Itaboray (voz), Datan Coelho (flauta), Mirano Schuler (acordeon), Zé Moreira (guitarra), Cesar Távora (harmônica de boca), Otávio Ribeiro (baixolão Fretless), Carlos Anderson (contrabaixo), Batchá (cajon) e Caçulo de Boa Esperança (mãos).
No dia 20 de Fevereiro de 2003 Cecitônio Coelho lançou o seu CD "Conversa de Botequim" no Café Com Arte, na cidade de Betim-MG, no dia 21 no Arrumação em Belo Horizonte-MG, e no dia 22 no Balaio em Contagem -MG.
Em 19 de Novembro de 2004 Cecitônio Coelho participou de uma palestra sobre "cordel" com o poeta maranhense; Jorge Sales, dentro do projeto "Conversa com o Escritor" com os acadêmicos de Pedagogia e Biblioteconomia da IESF/UNIGRAN em Campo Grande, capital de Mato Grosso do Sul.
No dia 20 de Novembro de 2004, se apresentou no "Teatro Fernanda Montenegro" em show de composições próprias, onde aconteceu o lançamento do livro; O Reino Encantado do Cordel "A Cultura Popular na Educação" do escritor Rubenio Marcelo, que é titular da cadeira nº 35 e Secretário-Geral da Academia Sul-Mato-Grossense de Letras. 
No domingo dia 21 de novembro, Cecitônio se apresentou na residência de Pierre Adri, editor da revista "Destaque" que cobre o meio sócio-político-cultural do estado de Mato Grosso do Sul, onde aconteceu o lançamento do CD "A Arte Maior de Rubenio Marcelo e Jorge Sales", sendo que Cecitônio atua como intérprete, músico e arranjador em quatro faixas.
http://www.jornalportalmpbrm.blogger.com.br/2004_11_01_archive.html
Matéria do Jornal Portal Brasil - 11 de Janeiro de 2004
Banner do Theatro Fernanda Montenegro
Cecitônio Coelho participou dos shows de lançamento do CD Amando Amará de Datan Coelho nos dias 22, 23, 24 e 25 de Novembro de 2004 no Cine-Teatro Shopping Porto de São Mateus/ES onde interpretou sua canção "Mato" com texto de Datan Coelho.
Cecitônio Coelho integrou a caravana IV do "Projeto Pixinguinha 2005" acompanhando a cantora Marcela Lobo pelas regiões Centro-Oeste e Norte, onde seguiram; Zé da Velha (tocava com Pixinguinha) e Silvério Pontes (tocava na Banda Vitória Régia do cantor Tim Maia), acompanhados pelos músicos; Charles da Costa, Alessandro Couto Cardoso e Netinho do Pandeiro.
Na Caravana IV (centro-oeste/norte) seguiram também o cantor Marcos Sacramento, acompanhado pelos músicos; João Hermeto e Rodrigo Jesus, todos do Estado do Rio de Janeiro.
Cecitônio Coelho e Marcela Lobo interpretaram PERSEGUIÇÃO (composição de Sergio Ricardo e Glauber Rocha) com apresentação dos mestres de cerimônia; Beth Galdino, Milson Henriques e Joelson Fernandes, no espetáculo-montagem aos 10 anos de saudade do jornalista Paulo Torre, em show realizado no dia 08 de Dezembro de 2005 no Theatro Carlos Gomes em Vitória/ES.
FICHA TÉCNICA:
texto original: Rubinho Gomes
edição de imagens: Cena Link
filmagem: Pipoca Multimídia
projeto gráfico: Ivan Alves
produção técnica: Equipe Sombra
assessoria de imprensa: Luísa Torre e Magda Carvalho
produção musical: Tamy
edição de trilha sonora: Felipe Novaes
engenheiro de som: Renato Tourco
Iluminação: Everaldo Nascimento
filmagem e cobertura: Equipe do programa "Em Movimento" - TV Gazeta
fotografia: Cacá Lima
charge: Amarildo
exposição: Verusca Almeida, Luísa Torre e Yamara Torre
produção e realização: Equipe PT VIVE
edição de imagens: Bento Abreu/Olhos Coloridos
direção geral: Eduardo Torre
Cecitônio Coelho interpretou cordéis da parceria; Jorge Sales/Rubenio Marcelo/Cecitônio Coelho em show autoral _ sexta-feira, dia 11 de janeiro de 2008 na Fundação Casa de José Américo, localizada na Av. Cabo Branco, nº 3336 - Cabo Branco _ João Pessoa/PB.
A seis anos, Cecitônio Coelho participa do GRUPO ILHA que toca exclusivamente sambas de Chico Buarque, João Nogueira, Paulinho da Viola, Candeia, Nelson Cavaquinho, Noel Rosa, Martinho da Vila, Adoniran Barbosa, entre outros, configurando "A Nata do Samba" e teve seu show apresentado no FEMUSQUIM _ Festival de Musica de Botequim (Morro dos Alagoanos/ES), no Palco Aberto Para o Samba (Teatro Carmélia/ES), no Armazém (Porto de Vitória/ES), no Theatro Carlos Gomes dentro do projeto Seis e Meia, acompanhando as cantoras Vera da Matta e a sambista e compositora Dona Ivone Lara, e ainda participou do programa "Eu Sou o Samba" exibido pela TVE.
Entre os meses de Setembro e Outubro de 2008 Cecitônio Coelho participou da gravação do CD 2009 dos sambas enredos das escolas de samba de Vitória/ES, como arranjador e violonista de 6 e 7 cordas, e violões aço no Studio Scala _ Jardim da Penha - Vitória/ES.
No dia 21 de Outubro de 2008 Cecitônio Coelho participou do Show ELBA RAMALHO A FLOR DA PARAÍBA _ Concebido e Dirigido por Juca Fardin _ Convidada Especial: Elba Ramalho _ Participações Especiais: Marcela Lobbo (voz), Jully Victória (voz), Idalina Dornelas (voz), Dennise Pontes (voz), Cecitônio Coelho (violão de 7 cordas), Mirano Schuler (acordeon), Coral Infantil (30 crianças da Rede Municipal de Viana) e 5 coreografias com alunos da rede municipal de Viana e de Vitória. Realizado no Teatro Municipal de Viana/ES, no dia 21 de outubro de 2008 às 15:00 h. _ Direção Musical: Cecitônio Coelho.
Cecitônio Coelho foi homenageado no dia do músico em 20 de Novembro de 2008 tendo recebido a comenda Loren Reno das mãos do Deputado Paulo Roberto Ferreira da Assembléia Legislativa do Estado do Espírito Santo.
No dia 5 de Dezembro de 2008 Cecitônio Coelho participou como arranjador e violonista, além de interpretar a música "São Benedito" na gravação do CD & DVD "Cantos de Vitória" com criações musicais de alunos do ensino fundamental de Vitória/ES. Este projeto foi realizado pelas Secretarias de Educação, de Turismo, pela CDV (Centro de Desenvolvimento de Vitória) e Prefeitura Municipal de Vitória/ES.
No dia 10 de Dezembro de 2008 Cecitônio Coelho participou como violonista do show da cantora Marcela Lobbo com a dupla gaúcha Kleiton e Kledir dentro do Projeto Seis e Meia no Teatro Carlos Gomes em Vitória/ES, com direção da Cajú Produções.
No dia 19 de Dezembro de 2008 Cecitônio Coelho participou do show da cantora Dennise Pontes em homenagem à Clara Nunes no Teatro do Sesi, sito à Rua Tupinambás, n° 240, Jardim da Penha_VitóriaES. Participaram os músicos; Cecitônio Coelho (violão), Roger Bezerra (teclados), Glaydson Santos (cavaquinho), Marlon Aloyr (bateria) e Kássio (percussão).
No dia 11 de Março de 2009 Cecitônio Coelho participou do show das cantoras Dennise Pontes e Fátima Guedes, dentro do Projeto Seis e Meia no Teatro Carlos Gomes em Vitória/ES, com direção da Cajú Produções.
No dia 13 de Maio de 2009 Cecitônio Coelho participou com o GRUPO ILHA, acompanhando as cantoras Vera da Matta e Dona Ivone Lara, dentro do Projeto Seis e Meia no Teatro Carlos Gomes em Vitória/ES, com direção da Cajú Produções.
No dia 20 de Maio de 2009 Cecitônio Coelho participou do show "Tributo a Bezzera da Silva" com as participações do compositor e humorista Dicró e do filho de Bezerra da Silva, Tuca da Silva (Thálamy), realizado no Teatro Carlos Gomes em Vitória/ES, com direção de Elaine Rovena.
Nos dias 10 e 11 de Setembro de 2009 Cecitônio Coelho participou do 13° FEMUSQUIM (Festival de Música de Botequim) no Morro dos Alagoanos em Vitória/ES, com o Grupo Ilha, a cantora Vera Da Matta e o cantor Ataulpho Alves Junior.
No dia 12 de Setembro de 2009 Cecitônio Coelho participou do Show da cantora Andrea Ramos com o Grupo Ilha na abertura do show de Martinália no Ginásio do Álvares Cabral em Vitória/ES.
A Lira Mateense foi fundada em 21 de setembro de 1909, sendo antecedida pela banda Aurora do Porvir, egressa de um movimento musical do século XIX comandado por trabalhadores que tocavam músicas após o expediente. De acordo com registro da época, os músicos chegavam à cidade por meio dos navios que atracavam no porto de São Mateus.
Com o passar dos anos, o grupo deixou de ser apenas uma banda para se tornar uma escola. Por lá, já passaram milhares de alunos. A maioria entra sem conhecer um instrumento.
Um desses casos foi o de Milson Santanna, 67 anos, que toca no grupo desde os 15 anos. "Na época eu entrei porque gostava de bandas de música. São Mateus era pequena e não tinha nenhuma diversão, só um pequeno cinema. Não tinha nem televisão", comenta Santanna, que relembra até hoje as duas aulas semanais que tinha para aprender a tocar clarinete. "Depois que aprendi, comecei a tocar com o grupo. Viajamos por todo o Espírito Santo e também tocávamos muito aqui nas ruas", recorda.
Maestro da Lira Mateense entre 1960 e 1966, Graciano Moreto foi um dos inúmeros professores que o grupo já teve. "Eu lembro que fazíamos muitas viagens em carroceria de caminhão, mas depois que assumi, exigi que fosse de ônibus", comenta o advogado de 87 anos.
Para a atual presidente da Lira Mateense, Cynthia Toscano, o centenário do grupo serve como forma de repensar as atividades do conjunto. Atualmente a Lira se divide entre a Banda de Veteranos, a Banda de Alunos, a Camerata e o Coral Cantarte. "A Lira já exportou muitos músicos para o Brasil. Hoje temos cerca de 180 pessoas, entre alunos, professores, maestros e músicos", afirma.
Questionada sobre o fato de um grupo tão tradicional tocar uma música como "Thriller", sucesso na voz de Michael Jackson, Cynthia aproveita para ilustrar o espírito da Lira. "A banda tem várias gerações, com gente de nove a 60 anos. Nosso repertório é eclético e precisamos mostrar 100 anos de música", reforça a presidente, que, entre a alegria do centenário e as expectativas do futuro, torce para que a iniciativa privada volte a apoiar o conjunto. Com o recente corte de apoio por parte da Petrobras, apareceram alguns problemas na área de recursos humanos. "A Petrobras foi uma grande parceira durante 12 anos. Mas a crise parece ter afetado a empresa. O importante é que nos aproximamos ainda mais da iniciativa pública e da população de São Mateus", revela Cynthia, que adianta a elaboração de novos projetos para a Lira, com o intuito de eternizar cada vez mais o som que embala o cotidiano de São Mateus.
Personalidades
Nomes que fizeram a história da Lira Mateense;
José João do Sacramento Júnior, reorganizador da Lira, maestro e professor, foi o homem que construiu a primeira ata que institucionalizou a Lira.
Adalgiso Serrano, maestro e compositor, um dos autores do Hino Mateense.
Oraldo Coelho, maestro e compositor, um dos autores do Hino Mateense, responsável por uma geração inteira de músicos.
Graciano Moreto, maestro e compositor, autor de vários dobrados.
Datan Coelho, maestro, compositor e arranjador. Regente da Banda Lira Mateense.
Fonte: Gazeta Online
Secretaria de Comunicação
comunicacao@saomateus.es.gov.br (27) 3761-4850
Entre os meses de Setembro e Outubro de 2009 Cecitônio Coelho participou da gravação do CD 2010 dos sambas enredos das escolas de samba de Vitória/ES, como arranjador e violonista de 6 e 7 cordas, e violões aço no StudiUsina em Vila Velha/ES.
No dia 23 de Outubro de 2009 Cecitônio Coelho participou do Show de lançamento do CD Simplesmente da cantora e compositora Simone Itaboray. O álbum contém 11 faixas, apresentando composições. próprias e de parceiros como Cecitônio Coelho, e inclui canções de compositores nacionais como; Flávio Venturini, Kleiton e Kledir, e Tribo de Jah.
No dia 11 de Novembro de 2009 Cecitônio Coelho participou do show das cantoras Jully Victória e Luciana Mello, dentro do Projeto Seis e Meia no Teatro Carlos Gomes em Vitória/ES, com direção da Cajú Produções.
No dia 2 de Dezembro de 2009 o Dia Nacional do Samba foi comemorado na Ilha do Samba, em Vitória, abrindo a “II Mostra Capixaba do Samba: O Carnaval do Brasil começa Aqui”, organizada pela prefeitura da Capital.
Um grande show, com direção musical de Cecitônio Coelho, que reuniu as cantoras Vera da Matta, Dennise Pontes, Teresa Cristina, Jully Victória, Juana Zanchetta, Dorkas Nunes, o sambista Edson Papo Furado, e ainda a participação da Escola de Samba de Unidos de São Torquato.
A Ilha do Samba fica na Ilha da Fumaça (entrada em frente ao INSS, na Av. Marechal Mascarenhas de Moraes, Bento Ferreira, Vitória).
No dia 16 de Dezembro de 2009 Cecitônio Coelho acompanhou o sambista Lajota da Velha Guarda do Samba Capixaba e o cantor e compositor Monarco da Portela no Armazém Porto da Codesa no centro de Vitória/ES.
No dia 20 de Fevereiro de 2010 Cecitônio Coelho participou do Projeto CORDAS, idealizado e criado por Marcelo Ribeiro (violão 6 cordas), com Cecitônio Coelho (violão 7 cordas), Ricardo Mendes (violão 6 cordas).
O Repertório consiste em músicas instrumentais para violões, como; Paco de Lucia, Al Di Meola, John McLaughlin, Gipsy Kings, chorinho e música popular brasileira.
O Cordas apresentou-se pela primeira vez na inauguração da empresa espanhola de mármore "Consentino" no dia 23 de fevereiro de 2010 e no dia 26 de Fevereiro de 2010 durante o Jantar de Honra oferecido pela TV Vitória/Record ao Grupo Itapemirim e Chocolates Garoto em Guarapari_ES.
O Cordas apresentou-se no dia 23 de Março e 20 de Abril de 2010 às 20:00h. no Day By Day localizado na Rua Eslebão Linhares (esquina com a Rua Joaquim Lírio), n° 15, loja 8 - Telefone:(27) 3227-1734 _ Shopping Day by Day na Praia do Canto_Vitória/ES.
O Cordas apresentou-se no dia 9 de Abril de 2010 na festa de reabertura do IATINHO no Iate Clube do Espírito Santo localizado na Rua Sagrado Coração Maria - Praia do Canto_Vitória/ES.
O Cordas apresentou-se no dia 30 de Novembro de 2011 na inauguração do Hotel Quality Aeroporto Vitória, localizado na Av. Adalberto Simão Nader, nº 605.
Cecitônio Coelho recebeu sua caricatura das mãos do Ilustrador Publicitário e Cartunista Rodrigo Brito em sua exposição "Coletivo Canarinho" dia 28 de Junho de 2010 no Espaço Mahalo em Jardim da Penha - Vitória/ES.
Cecitônio Coelho participou do Projeto "Agora às Sete" no show do cantor e compositor acreano Sérgio Souto com abertura do Grupo Moxuara no dia 14 de Julho de 2010 no Theatro Carlos Gomes em Vitória/ES, com direção da Cajú Produções.
Cecitônio Coelho participou do Projeto "Agora às Sete" no show de Rogerinho do Cavaco com Jair Rodrigues no dia 8 de Setembro de 2010 no Theatro Carlos Gomes em Vitória/ES, com direção da Cajú Produções.
No dia 10 de Dezembro de 2010 aconteceu o show ELAS CANTAM E ENCANTAM VITÓRIA com o Grupo Saia No Samba no Teatro Carmélia em Vitória/ES.
Direção Musical, arranjos e violão de 7 cordas: Cecitônio Coelho _ Banjo, bandolim e cavaquinho: Glaydson Santos _ Percussão: Pequê Santos _ Violão de 6 cordas: Fábio Calazans _ Música: Grupo Saia no Samba com; Vera da Matta (voz), Josi Cattabriga (voz e percussão), Andreza Pereira (voz e pandeiro), Danusa Rosa (voz e flauta) e Bruna Medeiros (voz e cavaquinho) _ Cantoras convidadas: Elaine Rowena e Juana Zanchetta _ Apresentação: Jace Theodoro _ Poesia: Margareth Maia _ Dançarinos: Denise Marchetti e Roberto Cigano _ Exposição de Artesanato, Moda & Design: Stael Magesk _ Direção de Produção: Júlia Sodré _ Produção: Guilherme Gobbi _ Técnico de Luz: Fábio Prieto _ Técnico de Áudio: Mariano Maff Sonorização
Cecitônio Coelho interpretando EMÍLIA (Sérgio Ricardo) e VISCONDE DE SABUGOSA (João Bosco, Emílio Magalhães e Aldir Blanc) com Cecitonio Coelho (violão 7 cordas/voz), Glaydson Santos (cavaquinho, bandolim, pandeiro de couro, cuíca) e Pequê Santos (surdo, pandeiro de nylon, caixa, conga, repique de mão, tamborim, cowbell e chocalho) no Projeto SAMBA COM GENTILEZA criado pelo produtor musical Raimundo de Oliveira, realizado dia 9 de Fevereiro de 2011 no TURK ZOO localizado na Rua Dr. João Carlos de Souza, nº 742 - Bairro Santa Luzia em Vitória/ES.
No domingo, dia 1º de Maio de 2011 aconteceu o Show CRIOULA no Theatro Carlos Gomes em Vitória/ES.
Ficha Técnica; voz: Idalina Dornellas, Jully Victoria e Vera da Matta _ violão 7 cordas e arranjos: Cecitônio Coelho _ cavaco: Bruno Souza _ contrabaixo: Otávio Ribeiro _ percussão: Fabinho SP e Pequê Santos _ dançarino: Renato Santos _ direção geral e direção de produção: Tarcísio Santório _ direção artística: Jace Theodoro _ co-produção: Júlia Sodré _ figurinos: Luza Carvalho _ designer gráfico: Max Daré _ assessora de imprensa: Júlia Sodré _ fotografia: Júlia Gabriela e Tadeu Laeber _ iluminação: Fábio Prieto _ sonoplastia: Maff Sonorização _ serviço: Show Crioula _ data: 01/05/2011 (domingo) _ horário: 19:00h. _ local: Theatro Carlos Gomes _ endereço: Praça Costa Pereira s/n Centro – Vitória (ES) _ Telefone.: (27) 3132-8399
No dia 5 de Junho de 2011 aconteceu o 1º SAMA SAMBA e Cecitônio Coelho fez o show de abertura do projeto "Samba com Feijoada" com o Samba Trio, formado pelos músicos; Bruno Castelo (cavaquinho/voz), Manoel Ricardo (contrabaixo) e Saulo Santos (percussão) no Pimenta Brasil em São Mateus/ES.
O violonista Cecitônio Coelho e a cantora Vera da Matta com Banda formada pelos músicos; Glaydson Santos (cavaquinho), Pequê Santos (percussão) e Fábio Federici (percussão) realizaram o show de samba comemorativo do 48º Encontro dos Ex-alunos do Colégio de Muqui no dia 16 de Julho de 2011 no Teatro Neném Paiva em Muqui/ES com apoio da Secretaria de Cultura do Estado do Espírito Santo.
Cecitônio Coelho participou das gravações do 1º CD da cantora Vera da Matta como arranjador, vocalista e gravou os violões nylon de 6 e 7 cordas, onde teve a música "Te Amar" de sua autoria registrada em rítimo de "samba-funk" entre os meses de Julho a Agosto de 2011 com mixagem de Ranieri Bonjovani, direção de Rodrigo Tristão e produção de Júlia Sodré.
Cecitônio Coelho foi entrevistado pela apresentadora Thelma Rocha no dia 27 de Julho de 2011 e interpretou a canção Nús de sua autoria no programa Tarde do Artista da Rádio Gazeta AM 820 de Vitória/ES.
Cecitônio Coelho participou do 15º FEMUSQUIM - Festival de Música de Botequim, realizado no Morro dos Alagoanos em Vitória/ES na sexta-feira, dia 16 de Setembro de 2011 com a cantora Vera da Matta, e no sábado, dia 17 de Setembro de 2011 com a cantora Dennise Pontes, com o Grupo Ilha e no encerramento, acompanhando o cantor Marquinho Sathan (RJ).
Cecitônio Coelho apresentou-se com o Grupo Amigos da Piedade e as participações especiais das cantoras Vera da Matta e Alana Paganucci num show de samba de raíz, acompanhado por Sergio Ricardo Roatti (cavaquinho), Peterson de Oliveira (cuíca, tamborim, pandeiro couro) e Guilherme (pandeiro nylon) domingo, dia 25 de Setembro de 2011 no Recreio dos Olhos em Tabuazeiro - Vitória/ES.
Entrevista completa com a cantora Alana Paganucci no Programa EU SOU O SAMBA da TVE exibido no dia 12 de Novembro de 2011.
Músicos: Cecitônio Coelho (violão 6 cordas e voz), Peterson de Oliveira (pandeiro) e Mestre Ditão (surdo)
Músicas: ENTRETANTO (Mart'nália/Mombaça), CABIDE (Ana Carolina), CARA VALENTE (Marcelo Camelo), SÁ MARINA (Antônio Adolfo/Tibério Gaspar), NADA POR MIM (Herbert Vianna) e SEM COMPROMISSO (Geraldo Pereira/Nelson Trigueiro).
Apresentação: FRANCISCO VELASCO
Direção: GERUSA CONTTI
Produção/Pauta: GERUSA CONTTI E FRANCISCO VELASCO
Estagiários: SIMONE JUSTINO (jornalismo), MARCELO REIS (cedoc) e JULIANA GAMA
Abertura: B. M. ROSEMBERG
Áudio: WAGNER PEDRONI
Câmeras: CÉSAR INÁCIO, LEANDRO SHERMAN E VITOR HUGO
Direção de Imagens: MARCO NASCIMENTO
Edição VT: WALTER ALVES
Apoio Técnico: MARCIO LARANJA
Gerência CEDOC: ILIETE MAGESKI
Subgerência de Operação: SÉRGIO CONTTI
Gerência de Programação: TIDA BARBARIOLI
Gerência Técnica: JULIO CESAR MUNHÃO
Gerência de Produção e Jornalismo: THELMO SCARPINE
Direção da TVE - TV Educativa do ES: MARÍLIA TARGUETA
Direção da RTV - Rádio e Televisão do ES: SÉRGIO EGITO
Do dia 18 de Agosto a 15 de Dezembro de 2011 Cecitônio Coelho foi professor do curso de violão nas "Oficinas de Música" da FAFI - Escola de teatro, dança e música, localizada na Av. Jerônimo Monteiro, nº 656 - Centro_Vitória/ES - Tel.: (27) 3381 6924
Instrumental de ASA BRANCA (composição de Luiz Gonzaga e Humberto Teixeira) na interpretação dos alunos do curso de violão das Oficinas de Música no recital, realizado dia 15 de Dezembro de 2011 no auditório da FAFI.
Cecitônio Coelho participou do programa Conexão Geral da TV Gazeta/TV Globo com a cantora Vera da Matta acompanhada por Cecitônio Coelho (violão 7 cordas), Rodrigo Tristão (cavaquinho) e Mazinho Lima (bateria) com a participação especial dos dançarinos Roberto Cigano e Denize Marchetti em Vitória/ES.
CECITONIO COELHO COM A CANTORA DENNISE PONTES NO CONEXÃO GERAL
Cecitônio Coelho participou do programa Conexão Geral da TV Gazeta/TV Globo com a cantora e compositora Dennise Pontes acompanhada por Cecitônio Coelho (violão 7 cordas), Christhian Rodrigues (sax alto/flauta) e Eduardo Rossi (bateria) em Vitória/ES.
Cecitônio Coelho participou do projeto samba com a cantora Alana Paganucci a convite do Grupo Clube do Samba no dia 6 de Fevereiro de 2012 no Clube de Pesca Mar e Terra em Santo Antônio - Vitória/ES.
Cecitônio Coelho fundou o Grupo SAMBA DE COMUNIDADE no dia 11 de março de 2012 com Cecitônio Coelho (violão 7 cordas/voz), Sergio Roatti (cavaquinho/ voz), Rodrigo Nogueira (pandeiro/cuíca/voz) e Denal Gomes (surdo/tantan/vocal) com repertório de Samba de Raíz e de compositores capixabas, se apresentando vários eventos capixabas e pelo interior do Estado do Espírito Santo.
Cecitônio Coelho recebeu a medalha Maurício de Oliveira das mãos do vereador Eliézer Tavares que prestou a homenagem em comemoração ao "Dia Municipal do Músico" no dia 12 de Julho de 2012 em sessão solene na câmara municipal de Vitória/ES.
Cecitônio Coelho recebendo a medalha e o certificado das mãos do vereador Eliézer Tavares
 Medalha de Honra ao Mérito "Maurício de Oliveira"
Certificado sobre a Medalha Maurício de Oliveira e Dia Municipal do Músico
Cecitônio Coelho se apresentou na abertura da Festa Botecão da Roda de Boteco, acompanhado pelo baterista Mazinho Lima e pelo percussionista Petterson de Oliveira, show realizado na sexta-feira, dia 13 de Julho de 2012 na área verde do Clube Álvares Cabral em Vitória/ES.
Show de Abertura da Roda de Boteco na área verde do Clube Álvares Cabral dia 13 de Julho/2012 em Vitória/ES. Link desta matéria do G1 TV Gazeta; http://g1.globo.com/espirito-santo/noticia/2012/07/arlindo-cruz-se-apresenta-na-festa-do-roda-de-boteco-de-vitoria.html

Cecitônio Coelho recebeu o troféu Faisão de Ouro como "Melhor Conjunto Musical" pela G.R.E.S. Unidos da Piedade durante a festa que aconteceu no sábado dia 28 de Julho, das 19h às 22h, no Theatro Carlos Gomes no centro de Vitória, a Cerimônia de Entrega do Troféu Faisão de Ouro aos melhores do Carnaval 2012.

Shows com o Grupo Quinteto Preto, Vera da Matta e Cecitônio Coelho, Bateria da Boa Vista, intérpretes capixabas, passistas, rainhas de bateria e uma participação muito especial do Jornalista e Escritor Jace Theodoro.
CERIMÔNIA DE ENTREGA DO TROFÉU FAISÃO DE OURO 2012

Dia: 28/07 sábado
Horário: 19h às 22h
Local: Theatro Carlos Gomes no centro de Vitória
Ingresso: Entrada Franca
Atrações:
* Show Quinteto Preto
* Show Vera da Matta e Cecitônio Coelho
* Participação Especial de Jace Theodoro
* Entrega dos troféus aos melhores do carnaval 2012
* Bateria da Boa Vista
* Intérpretes capixabas
* Passistas
* E muito mais!
Show com o Grupo Samba de Comunidade e convidados no "Dia Nacional do Samba" no domingo, dia 2 de dezembro de 2012 na Estação Porto - centro _ Vitória/ES.
Cartaz divulgação sobre o Dia Nacional do Samba
Vídeo com trecho do show com a cantora Alana Paganucci e Grupo Samba de Comunidade no 4º Festival da Carne de Sol de Montanha dia 13 de abril de 2013 na 49ª festa de emancipação do município de Montanha/ES.
Show com a cantora Alana Paganucci e Grupo Samba de Comunidade no 4º Festival da Carne de Sol de Montanha dia 13 de abril de 2013 na 49ª festa de emancipação do município de Montanha/ES.
No camarim após o show com Alana Paganucci e Grupo Samba de Comunidade no 4º Festival da Carne de Sol de Montanha dia 13 de abril de 2013 na 49ª festa de emancipação do município de Montanha/ES.
Clip da música PEDACINHO DO BRASIL de Cecitonio Coelho produzido pela TVE.
Atualmente, Cecitônio Coelho vem trabalhando na finalização do CD "Pedacinhos do Brasil" que tráz composições próprias com arranjos e direção musical de Datan Coelho e as participações especiais do Grupo Moxuara e da cantora Dennise Pontes _ com patrocínio do Banestes e Lei Rubem Braga. 
Pedacinho do Brasil (composição de Cecitônio Coelho) TV Gazeta afiliada Rede Globo

Vídeo clipe institucional para a Rede Globo via satélite

Ficha Técnica:

produção: Alana Paganucci
direção: Luciana Gama
imagens: Elionai Ferreira
edição: Arayan Machado
sonorização: Daivison Borges e Augusto Ferreira
realização: TV Gazeta
sonorização: Daivison Borges e Augusto Ferreira
gravação áudio: Estúdio Nova Arte
mixagem e masterização: Kiko Miranda
flautas e arranjo: Datan Coelho
violão, cavaquinho e voz: Cecitônio Coelho
vocais: Cecitônio e Dennise Pontes
baixolão fretless: Otávio Ribeiro
teclados: Guga Lopes
bateria: Eduardo Rossi
percussão: Batchá e Meio Kilo

DISCOGRAFIA

TAPETE MÁGICO (música: Cecitônio Coelho - letra: Dennise Pontes) no CD "Atmosfera Clara" de Dennise Pontes - 1999
MISTURA (música e letra: Cecitônio Coelho) no CD "Conversa de Botequim" de Cecitônio Coelho no Stúdio 771 em Jardim Camburí - Vitória/ES - 2000

ROSA (música e letra: Nano Viana) violão nylon de Cecitônio Coelho no CD "Eu e o Tempo" de Simone Itaboray no Studio 771 em Jardim Camburí - Vitória/ES - 2001

LEVADA LUA (música e letra: Cecitônio Coelho) no CD "Celso Faria" de Celso Faria no Studio Play em Jardim da Penha - Vitória/ES - 2002
MARACUJÁ NA BANANEIRA e CANÇÃO NIPÔNICA (Márcia Coradine)  no CD "Maracujá na Bananeira" de Marcia Coradine no Stúdio Nova Arte em Maruípe - Vitória/ES - 2002
SANTA LEOPOLDINA (música: Cecitônio Coelho - Letra: Rubenio Marcelo e Jorge Sales) no CD "A Arte Maior" de R. Marcelo e J. Sales no Studio 771 em J. Camburi - Vitória/ES - 2003
Violões e arranjos para cordas na faixa 3 Sem Medo de Errar (S. Ytaboray) e na faixa 11 Tô de Bobeira (S. Ytaboray) no CD "Simplicidade" de Simone Itaboray gravado no Estúdio 771 em Jardim Camburí - Vitória/ES - 2009
SONETO AO TEMPORAL (música e letra: Nô Stopa) violão nylon de Cecitônio Coelho no CD "Camomila e Distorção" de Nô Stopa no Studio Nova Arte em Maruípe - Vitória/ES - 2004
MATO (música: Cecitônio Coelho - letra: Datan Coelho) no CD "Amando Amará" de Datan Coelho no Stúdio Nova Arte em Maruípe - Vitória/ES - 2004
CORAZÓN ARREBATADOR (música: Cecitônio Coelho - letra: Dennise Pontes) no CD "Dennise Pontes" de Dennise Pontes no Stúdio Nova Arte em Vitória/ES - 2005
GRUPO ILHA (sambas) no CD "A Nata do Samba" de Rodrigo Tristão, Cecitônio Coelho, Marcus Bacalhau e Mestre Ditão no Stúdio Ilha em Vitória/ES - 2007
SÃO BENEDITO (música e letra: Alunos da EMEF Otto Ewald Júnior com arranjos de Cecitônio Coelho) no CD e DVD "Cantos de Vitória" no Stúdio Zero DB em Vila Velha/ES - 2008 
NÚS (música e letra: Cecitônio Coelho) no CD "Simplicidade" de Simone Itaboray no Studio Floresta em Fradinhos - Vitória/ES - 2009
ESPECIAL 1 (arranjos e violões 6 e 7 cordas: Cecitônio Coelho) no CD "Sambas Enredo das Escolas de Samba de Vitória" no Stúdio Scala em Vitória/ES - 2009
ESPECIAL 2 (arranjos e violões 6 e 7 cordas: Cecitônio Coelho) no CD "Sambas de Enredo das Escolas de Samba de Vitória" no StúdiUsina em Vila Velha/ES - 2010
ESPECIAL 3 (violão 7 cordas: Cecitônio Coelho) no CD "Tonico do Cavaco e seus convidados cantando a vida" de Tonico do Cavaco no Studio Music em Vila Velha/ES - 2010
A LA CARTE e FORA DO EIXO (Carlos Papel) e LADEIRA (Carlão Ferruth) violões de Cecitônio Coelho no CD "Fora do Eixo" de C. Papel no Studio Zero DB em Vila Velha/ES - 2011
TE AMAR (música e letra: Cecitônio Coelho) no CD "Entre Véus e Tussor" da cantora e intérprete Vera da Matta no Studio Ilha em Vitória/ES - 2012
Co-produção, violões e cavaquinho no CD autoral LINHA D'ÁGUA da cantora e compositora Inara Novaes no Estúdio Tres Audio em Vila Velha/ES - 2013

Ouvir todas as músicas masterizadas do CD "Pedacinhos do Brasil" de Cecitônio Coelho

Gravações originais para baixar em mp3 todas as músicas de Cecitônio Coelho